Mercado

Iveco cresce 71% no primeiro semestre de 2021, ante 54,45% do mercado

Enquanto o mercado de caminhões cresceu 54,45% de janeiro a junho de 2021, as vendas da Iveco tiveram alta de 71%

Redação

16 de jul, 2021 · 5 minutos de leitura.

Iveco é a marca full liner que mais cresceu no primeiro semestre" >
Iveco é a marca full liner que mais cresceu no primeiro semestre
Crédito:Iveco/Divulgação
Iveco é a marca full liner que mais cresceu no primeiro semestre

Na esteira do crescimento registrado em 2020, a Iveco fechou o primeiro semestre de 2021 acelerando forte. Ou seja, as vendas da marca tiveram alta de 71% no País enquanto o mercado cresceu 54,45%. Segundo a empresa, o resultado inclui todos os veículos a partir 3,5 toneladas de peso bruto total (PBT)

Dessa forma, a marca se posiciona como a full-liner (que faz caminhões semileves a pesados) que mais cresceu no Brasil. Nesse sentido, em alguns segmentos a alta foi ainda mais expressiva.

Por exemplo, no caso dos leves o crescimento foi de 47%, ante 33% do mercado. Além disso, no segmento de chassi-cabine a Iveco lidera as vendas, com 35,6% de participação.

Vendas de pesados crescem 107%

No mesmo sentido, no segmento de caminhões médios as vendas da Iveco cresceram 70%. Por sua vez, no mercado total a alta da categoria foi de 37%. Por sua vez, em semipesados o resultado positivo foi de 90%. Enquanto isso, as vendas do segmento avançaram 54%.

Do mesmo modo. o segmento de pesados apresentou resultados muito bons. Ou seja, as vendas da Iveco cresceram 107%. Por sua vez, no mercado a alta das vendas da categoria foi de 61%.

Segundo a Iveco, as vendas de pesados foram puxadas sobretudo pelo agronegócio. Portanto. a marca destaca a boa aceitação dos modelos Hi-Road e Hi-Way. De acordo com a Iveco, as duas linhas se destacam pelo desempenho e por oferecer um bom custo total de operação (TCO).

Iveco renova linha

Seja como for, o mercado de caminhões está muito aquecido no Brasil. Além disso, contribui com o bom resultado a renovação da linha de produtos da Iveco. Nesse sentido, no segundo trimestre de 2020 a marca apresentou os caminhões Hi-Road e Hi-Way com novos equipamentos.

Em suma, os caminhões ganharam itens de série com rádio com conexão via Bluetooth. Bem como a  quinta roda 37CX para as versões com tração 6×2 e 6×4. Segundo a fabricante, o componente tem sapatas e parafusos reforçados.

Além disso, a empresa lançou o serviço de telemetria e monitoramento Iveco Connect. Segundo o responsável pela Iveco na América do Sul, Márcio Querichelli, o bom momento é resultado de uma conjunção de fatores. “Com profissionais altamente qualificados, um portfólio completo e capilaridade nacional, mantemos a operação crescendo e os clientes satisfeitos?, diz.

Iveco apostará em caminhões a gás

De acordo com o executivo, há mais novidades a caminho. Nesse sentido, nos próximos meses a marca pretende iniciar os testes de caminhões movidos a gás. ?Juntamente com grandes parceiros, vamos preparar o terreno para que, em breve, a Iveco produza e venda veículos a GNV no Brasil”, afirma Querichelli.

Segundo ele, esse é um passo fundamental para a empresa. “Assim manteremos nossos negócios alinhados com o futuro dos transportes?, afirma.

Continua depois do anúncio

Atualmente, a rede de concessionárias conta com 77 pontos de atendimento, Além disso, a empresa oferece atendimento 24 horas por dia por meio de plataformas online. Bem como um canal n WhatsApp.