Você está lendo...
Caminhões da Pepsico testam uso de energia solar
Tecnologia

Caminhões da Pepsico testam uso de energia solar

Caminhões da Pepsico receberam painéis no teto desenvolvidos pela brasileira Sunew que captam energia solar para abastecer baterias e sistemas elétricos

Redação

15 de jul, 2020 · 5 minutos de leitura.

Energia solar para caminhões aumenta a vida útil dos componentes elétricos
Crédito:Pepsico/Divulgação
Energia solar para caminhões aumenta a vida útil dos componentes elétricos

A Pepsico e a Sunew desenvolveram um sistema inédito para caminhões que utiliza eletricidade gerada por energia solar. O equipamento é instalado no teto do baú (foto abaixo) e atua em conjunto com o sistema elétrico, incluindo a bateria e os dispositivos de iluminação. Isso permite aumentar a durabilidade dos componentes elétricos sem agredir o meio ambiente.

A Sunew instalou filmes fotovoltaicos orgânicos (OPV) em dez veículos da frota de distribuição da PepsiCo. Os OPVs captam os raios de sol que incidem sobre o teto dos caminhões.



O equipamento inclui um controlador de carga elétrica que gerencia o envio de energia para a bateria do caminhão. Serve também para abastecer os dispositivos de iluminação, como faróis, luzes de seta, da cabine e do implemento. E abastece ainda a impressora fiscal instalada no veículo.


Redução de emissões

O sistema criado pela empresa brasileira garante que a bateria do caminhão esteja sempre com plena carga. Isso aumenta a disponibilidade do veículo. Outra vantagem é a ampliação da durabilidade da bateria. O resultado são menores custo de manutenção e impactos ao meio ambiente, uma vez que o prazo para descarte da bateria será maior.

O projeto ainda está em fase inicial de testes. Se os resultados forem positivos (e tudo indica que isso irá ocorrer), o sistema será instalado em toda a frota da PepsiCo.


"O projeto em parceria com a Sunew e outras iniciativas, como a inclusão de veículos elétricos e movidos a GNV à frota, visam contribuir para mitigar as emissões de CO2 no meio ambiente", diz o diretor sênior de Supply Chain da Pepsico Brasil, Eduardo Sacchi. "A meta da companhia é reduzir nossas emissões globais em 20% até 2030

Energia solar para caminhões

A energia solar captada por meio de OPV já é utilizada em edificãções e no mobiliário urbano. Por meio da parceria com a Pepsico, a Sunew está ingressando no mercado de mobilidade. A tecnologia desenvolvida pela empresa é direcionada a vans, ônibus e caminhões. Isso porque esses veículos têm grandes áreas livres no teto, onde os raios do sol incidem mais.

O painel é formado por várias lâminas de OPV, como se fosse um sanduíche. O material é leve, flexível, semitransparente, resistente a torção e vibração e com alta capacidade de absorção de luz difusa.


Segundo o gerente de produtos da Sunew, Felipe Reis, essas características fazem com que o OPV seja uma ótima solução para uso em veículos. "Os painéis solares tradicionais poderiam apresentar trincas e danos que reduziriam drasticamente sua vida útil nessas condições de operação."

Frota limpa da Pepsico

A Pepsico vem atuando em várias frentes para reduzir as emissões de poluentes de sua frota de veículos. Recentemente a empresa incorporou 18 unidades do Scania R 410 6x2 movido a GNV.

A companhia também tem caminhões elétricos JAC IEV 1200T. Os modelos da marca chinesa têm baterias de 97 Kwh que garantem autonomia de até 250 km. Com 8 t de Peso Bruto Total (PBT) os JAC operam na distribuição dos produtos da divisão de salgadinhos da Pepsico.