Você está lendo...
Novo caminhão elétrico de 12 toneladas da BYD chega por R$ 1 milhão
Lançamentos

Novo caminhão elétrico de 12 toneladas da BYD chega por R$ 1 milhão

O novo eT7 12.220 da BYD tem autonomia de 230 km e é destinado às operações urbanas como e-commerce e transporte de bebidas

Andrea Ramos

18 de mar, 2022 · 5 minutos de leitura.

Novo caminhão BYD 100% elétrico de 12 t de PBT chega por R$ 998 mil
BYD eT7
Crédito:BYD/Divulgação
Novo caminhão BYD 100% elétrico de 12 t de PBT chega por R$ 998 mil

A BYD apresentou o eT712.220, seu novo caminhão 100% elétrico multivocacional dentro das operações urbanas. Ou seja, com peso bruto total (PBT) de 12 toneladas, o veículo médio atende às mais diversas aplicações nas cidades. Mas, por causa da sua autonomia de até 230 km, o caminhão também pode atuar nas operações interurbanas.

LEIA TAMBÉM
Scania lança primeiro caminhão a gás para coleta de lixo residencial

De acordo com o diretor de vendas da BYD Brasil, Henrique Antunes, a aposta da marca chinesa é no transporte de bebidas e no e-commerce. Segmentos que, segundo o executivo, além de aquecidos, demandam por uma frota mais sustentável. Logo, estão mais propensos a comprar os caminhões elétricos para suas operações.


Nesse sentido, vale destacar que o novo BYD eT712.220 chega com preço de R$ 998 mil. Além disso, por ser importado, a única linha de financiamento disponível é aquela oferecida por bancos tradicionais.

Seja como for, o novo caminhão tem motor elétrico que desenvolve 217 cv e robustos 45 mkgf de torque. Ele é alimentado por baterias de fosfato de ferro-lítio. O tempo de recarga do pacote de bateria é de duas a três horas com carregador DC (de alta potência). Ou de quatro a cinco horas em carregadores de corrente alternada AC (de baixa potência).

Ademais, o eT7 12.220 dispõe de um motor elétrico e transmissão automatizada de quatro velocidades. De série, o caminhão conta com ar-condicionado. E o seu sistema de suspensão é de feixe de molas.


Mercado para a BYD Brasil

Novo caminhão BYD 100% elétrico de 12 t de PBT chega por R$ 998 mil
BYD/Divulgação

A BYD chegou ao Brasil em 2015 e vive um bom momento no segmento de veículos comerciais, onde concentrou sua atuação até agora. Nesse sentido, em 2021, apenas com o furgão elétrico eT3, a BYD cresceu 1.114%, com 120 unidades emplacadas do modelo.

Para este ano, Antunes estima que o mercado, sobretudo de veículos comerciais para uso urbano, invista na eletrificação. "O empresário de transporte entendeu às necessidades de uma logística mais sustentável. Bem como o quanto a sustentabilidade traz retorno para as suas operações", diz o executivo da fabricante chinesa no País.


Todavia, além do eT3 e do novo eT7, até junho deste ano a marca trará um novo modelo ao mercado. Trata-se do T18 semipesado destinado às operações com PBT de 21 toneladas. Ou seja, bebida e operações industriais com atuação intermunicipal. A coleta de lixo urbano será outro segmento que o caminhão vai atuar no Brasil.

Além dele, a BYD programa para o final do 2º semestre mais um lançamento. Trará para o mercado nacional um caminhão leve de 7 toneladas de PBT. Contudo, Antunes não revelou os detalhes do modelo. Apenas que será um concorrente para o JAC iEV 1200 T, que já vendeu mais de 100 unidades no País.

Seja como for, para o diretor da BYD, tanto o novo eT7 como a nova geração dele, que chega neste ano, vão atender uma gama de aplicações. E a tendência é que a marca expanda o portfólio nos próximos anos.