Notícias

Mulheres da Braspress vão dirigir caminhões elétricos da JAC

Braspress compra 10 caminhões elétricos da JAC que serão guiados pelas motoristas da empresa em operações urbanas

Redação

29 de jul, 2021 · 4 minutos de leitura.

Mulheres vão dirigir os novos JAC elétricos da Braspress
Frota Elétrica Braspress e Rainhas do Volante
Crédito:Braspress/Divulgação
Mulheres vão dirigir os novos JAC elétricos da Braspress

A Braspress comprou dez caminhões elétricos JAC iEV1200T. Assim, a empresa com sede em Guarulhos (SP) vai utilizar esses modelos em operações na capital paulista. Ou seja, no Centro de Apoio Operacional Braspress (CAOB) Cantareira.

Segundo o diretor presidente da Braspress, Urubatan Helou, uma das vantagens é que esses caminhões estão liberados do rodízio municipal. "É também a contribuição da Braspress para a melhoria do meio ambiente?, diz.

De acordo com a Braspress, os caminhões elétricos serão dirigidos pelas motoristas da transportadora. Ou seja, a ação faz parte do Rainhas do Volante.

Braspress tem mulheres motoristas desde 1998

Segundo a Braspress, esse programa começou em 1998. Ou seja, no ano em que a transportadora começou a contratar mulheres motoristas.

Inicialmente, as motoristas atuavam apenas nas operações urbanas de transporte. Porém, logo passaram a dirigir também caminhões pesados, como carretas.

Ou seja, passaram a atuar nas operações de longas viagens rodoviárias. Segundo Helou informou ao Estradão, as mulheres são mais receptivas às novidades.

Mais cuidadosas

Além disso, ele diz que elas aproveitam melhor os treinamentos. De acordo com Helou, as mulheres cuidam melhor dos caminhões. Assim, peças como pneus e pastilhas de freio duram mais nos veículos dirigidos pelas motoristas.

Segundo o executivo, a Braspress foi pioneira na oferta de oportunidade de trabalho para as motoristas. "A máxima na nossa companhia é de que a competência não tem sexo?, diz Helou.

Seja como for, os novos elétricos da JAC vão se juntar à frota de mais de 3 mil caminhões da Braspress. Porém, serão os primeiros com zero emissão de poluentes.

JAC iEV1200T tem autonomia de 250 km

Enfim, o JAC iEV1200T foi lançado no Brasil no fim de 2020. Importado da China, ele está posicionado entre as categorias de semi-leves e leves.

Segundo a JAC, o foco é o transporte urbano de cargas. O motor elétrico síncrono de imã permanente gera o equivalente a 177 cv de potência e 122,4 mkgf de torque.

Além disso, o peso bruto total (PBT) de 7,5 toneladas e autonomia chega a 250 km. Ou seja, quando o caminhão roda com até 2 t de carga líquida.

Continua depois do anúncio

Porém, na operação da Braspress os caminhões da JAC vão rodar com 4 t. Desse modo, a autonomia estimada é de cerca de 180 km.