Você está lendo...
Mineração puxa venda de caminhões e deve continuar crescendo em 2022
Mercado

Mineração puxa venda de caminhões e deve continuar crescendo em 2022

A alta do preço de commodities como minério de ferro, cobre e alumínio aqueceu o mercado de mineração, que deve representar 2% do PIB brasileiro em 2022

Redação

17 de fev, 2022 · 3 minutos de leitura.

Mineração
volvo mineração 3
Crédito:

A mineração é um dos setores que mais cresceram no Brasil em 2021. A alta dos preços de commodities como minério de ferro, cobre, ouro e alumínio no mercado internacional favoreceram as empresas do segmento. Como resultado, o faturamento dessas companhias chegou a R$ 149 bilhões.  

Ou seja, o resultado é 100% maior que o registrado em 2020. De acordo com dados do Instituto Brasileiro de Mineração (Ibram). Assim, esse bom desempenho se refletiu na alta de pedidos de novos caminhões pesados.

Em entrevista recente ao Estradão, o diretor da Fagundes Construção e Mineração, Fernando Fagundes, disse que o setor deverá crescer mais 3,5% em 2022. Assim, a expectativa é de que represente 2% do PIB brasileiro. Segundo Fagundes, a empresa comprou 60 Arocs 8x4.


As operações pesadas são o principal destino dos novos caminhões fornecidos pela Mercedes-Benz. Além disso, a companhia pretende encomendar mais 50 unidades até o fim de 2022. O setor de mineração será o destino de metade delas.

Volvo vende 150 caminhões pesados para locadora

A Volvo também está surfando na onda do mercado de mineração. Segundo a marca sueca, os setores de agronegócio e papel e celulose também devem avançar bastante neste ano. Por isso, a empresa investirá R$ 1,5 bilhão no Brasil até 2025. Assim, focará o desenvolvimento de novos produtos, bem como de serviços.


Inclusive, a Volvo acaba de anunciar a venda de 150 caminhões para o Grupo Zocar Rio. A empresa é uma das maiores locadoras de caminhões do Brasil. Os modelos VM 32 6x4, FMX 8x4 e FH 6x4 vão atender clientes da área de mineração. Aliás, trata-se do setor que mais demanda veículos da locadora. Atualmente, representa cerca de 70% dos negócios.

A Volvo é uma das principais fornecedoras de caminhões para uso no fora de estrada no País. Além dela, a Mercedes-Benz e a Scania também atuam fortemente no setor. Em 2021, a marca sueca entregou mais de 4  mil unidades desse tipo de caminhão. De acordo com a empresa, esse número representa alta de 118% em relação a 2020.

Deixe sua opinião