Lançamentos

DAF lança nova geração de caminhões na Europa

Com novos XF, XG e XG+, DAF é a primeira fabricante a atender as futuras regras europeias sobre a área da cabine de caminhões rodoviários

Andrea Ramos

10 de jun, 2021 · 6 minutos de leitura.

DAF lança nova geração pesada na Europa" >
DAF lança nova geração pesada na Europa
Crédito:DAF Trucks/Divulgação
DAF lança nova geração pesada na Europa

A DAF acaba de apresentar na Europa uma nova geração de caminhões. Assim, com o tema ?Iniciando o Futuro? o destaque são os modelos XG e XG+. Nesse sentido, a marca holandesa inaugura um novo segmento de mercado. Ou seja, a evolução da linha XF foca caminhões premium.

Nesse sentido, a cabine do XG tem de 330 mm a mais de comprimento na parte traseira. Bem como parte frontal mais avançada em 160 mm. Dessa forma, o espaço para o motorista é amplo.

Você também vai gostar de


Assim, a DAF é a primeiro fabricante com uma linha de caminhões baseada nos novos regulamentos europeus referentes às dimensões. Além disso, o desenho privilegia a aerodinâmica.

Nova cabine ajuda na redução do consumo

Segundo a DAF o resultado é a redução de até 10% no consumo de diesel. Portanto, nos níveis de emissões de CO2 a queda é equivalente.

Colabora com isso o desenho cônico. Assim como o para-brisa mais curvado. No mesmo sentido, a DAF melhorou a vedação da cabine.

Bem como instalou câmeras no lugar os espelhos retrovisores convencionais. O sistema é similar ao do Mercedes-Benz Actros.

DAF tem motor Paccar mais eficiente

Segundo a DAF, os motores Paccar MX-11 e MX-13 também foram atualizados. Assim, receberam sistema de pós-tratamento de gases mais eficiente.

Ou seja, atendem as regras do Euro 6. No caso do MX-11, as potências vão de 370 cv a 450 cv. Já o MX-13 gera de 430 cv a 530 cv.

Como resultado, as paradas para manutenção obrigatória passaram a ser feitas a cada 200 mil quilômetros ou uma vez por ano. Ou seja, o que ocorrer primeiro.

Transmissão ZF Traxon foi mantida

A transmissão é a Traxon fornecida pela ZF. Portanto, trata-se da mesma caixa automatizada que equipa a linha XF produzida no Brasil e avaliada pelo Estradão.

Continua depois do anúncio

Nesse sentido, a transmissão de 12 velocidades conta com vários recursos eletrônicos. Assim, contribuem para melhorar a performance do caminhão.

Por exemplo, o sistema está ligado ao Controle de Cruzeiro Preditivo (CCP). Assim, em conjunto com o navegador GPS o dispositivo "reconhece" a topografia da via com antecedência de até 2 km. Assim, pode reduzir ou subir marchas de acordo com a velocidade e a carga transportada, por exeplo.

Cabine foca o conforto

Além disso, a nova linha de caminhões pode receber o DAF Connect. Ou seja, o sistema de gerenciamento de frota da marca holandesa.

Da mesma forma, a DAF investiu em novos materiais e técnicas de produção. Por exemplo, a cabine é feita com aço de alta resistência. Assim, foi possível reduzir o peso da estrutura, e portanto, a tara.

Além disso, o interior é para lá de caprichado. Nesse sentido, tem revestimentos feitos com materiais nobres e privilegia o conforto. O painel é emborrachado e há acabamento de couro, por exemplo.

No mesmo sentido, o painel de instrumentos é moderno e totalmente digital. Além disso, pode ser configurado de acordo com a preferência do motorista. Há ainda uma segunda tela, que faz parte do sistema multimídia e é sensível ao toque.

Cabine foca o confort

Da mesma forma, o amplo espaço, o para-brisa e as janelas grandes contribuem para deixar o espaço mais agradável. Entre os opcionais está o assento rebatível para o carona.

Na área de descanso, chama a atração a cama. As novas medidas são de 2.220 mm de comprimento e 800 mm de largura. O equipamento é oferecido nas versões XG e XG+.

Segundo a DAF, os novos modelos já podem ser encomendados. Porém, o início da produção em série está marcado para outubro. Portanto, as primeiras entregas na Europa devem ser feitas ainda em 2021.