Boné da Ford alerta sonolência

Acessório detecta movimentos da cabeça e avisa o motorista de que está na hora de descansar

Boné alerta Foto: Ford Caminhões

A Ford Caminhões apresentou na Fenatran 2017 um boné que se apresenta como um item de segurança nas estradas. À primeira vista se trata de um acessório de vestuário comum, mas um conjunto de sensores permite detectar os movimentos da cabeça e identificar as condições típicas de sonolência, as populares “pescadas”. Ao perceber o cansaço, o Boné Alerta, como foi chamado, emite sinais sonoros, luminosos e vibratórios, indicando ao motorista que chegou a hora de descansar.

Segundo João Pimentel, diretor de operações da Ford Caminhões para a América Latina, o boné deverá fazer parte do pacote tecnológico de produtos e serviços que empresa pavimenta para o futuro. “Será um acessório do caminhão. A ideia é também mostrar que a empresa está preocupada com os motoristas e o seu entorno, afinal, a fadiga está entre as maiores responsáveis por acidentes rodoviários.”

Criado pela equipe da Ford e parceiros, o boné é um protótipo e ainda sem planos de produção e venda no curto e médio prazo. A companhia, porém, manifestou interesse em dividir a tecnologia com interessados em avançar no desenvolvimento e torná-lo viável para o mercado, pois se encontra em processo de patenteamento e certificação. “É um produto recarregável e temos de ter certeza de que não trará nenhum tipo de problema”, justifica Pimentel.

O Boné Alerta já passou por oito meses de testes em um grupo selecionado de motoristas, acumulando mais de 5.000 km em condições reais de rodagem. A Ford também o apresentou a especialistas da área de segurança de tráfego e estudos do sono, que reconheceram o seu potencial para auxiliar na prevenção de acidentes nas estradas.

Antes de chegar na cabeça dos motoristas, foi realizado amplo estudo para identificar os movimentos que fazem parte da rotina de trabalho dos caminhoneiros, como também aqueles que indicam sono. A partir daí, as informações foram transferidas para a central de processamento do boné.

“Além da Ford ser a primeira montadora a pensar em um ‘wearable’ (tecnologia de vestir), o Boné Alerta reforça o nosso compromisso de trazer tecnologia embarcada não só nos veículos, mas também em acessórios capazes de facilitar a vida do motorista, e o foco na segurança como prioridade nos nossos investimentos em tecnologia”, resume Lyle Watters, presidente da Ford América do Sul.


Notícias relacionadas