Andrea Ramos

28.07.2020 | 20:08

Ônibus da Wemobi tem passagem entre Rio e São Paulo por R$ 19,90

A Wemobi, que pertence ao Grupo JCA, oferece passagens de ônibus entre o Rio de Janeiro e São Paulo com preços a partir de R$ 19,90 e serviço 100% digital

Wemobi vende passagens de ônibus por R$ 19,90
Crédito: Wemobi/Divulgação

Nesta quarta-feira (29), a startup Wemobi passa a oferecer ônibus entre São Paulo e Rio de Janeiro com preços a partir de R$ 19,90. Esse valor, para poltronas executivas, é menor que a soma dos pedágios do trecho rodoviário. Viajar de São Paulo ao Rio de Janeiro pela Via Dutra custa R$ 39,80 só de pedágios. Quem vai Rio de Janeiro a São Paulo pela rodovia Carvalho Pinto deixa R$ 41,10 nas praças de pedágio.

A Wemobi não é a primeira empresa do tipo a oferecer esse serviço. A Buser, por exemplo, cobra R$ 49,95 pelo mesmo trecho para poltronas com inclinação de até 150°. Na Wemobi, para a área de semi-leito, com maior espaçamento entre as poltronas, a passagem custa R$ 39,90.

As duas empresas informam que esses valores estão sujeitos a alterações. De acordo com as companhias, as tarifas são “dinâmicas”. Ou seja, funcionam da mesma forma como os bilhetes aéreos. Quanto antes a compra for feita, maior será a chance de o usuário conseguir pagar menos. Aspectos como horário da viagem também impactam o preço.

Por meio da Wemobi, todo o processo é feito de forma 100% digital. A compra, incluindo o a escolha do assento e o ponto de partida e embarque podem ser feitos em qualquer tipo de gadget. Isso inclui smartphone, tablet ou mesmo PC.

O cliente pode comprar o bilhete ou mesmo cancelar a compra pelo celular

A compra é feita pelo site. Na hora da viagem, basta apresentar o cartão de embarque que é um código (QR Code) no celular. Ou mesmo fazer o embarque com tecnologia de reconhecimento facial.

Não preciso imprimir o bilhete nem utilizar qualquer tipo de papel em nenhuma fase do processo. Procedimentos como cancelamento da viagens ou solicitação de reembolso também são feitos de modo 100% online. A plataforma utiliza a tecnologia da Zoox Smart Data. A empresa aplica essa solução em diferentes redes de hotelaria no mundo inteiro.

LEIA TAMBÉM: Chroma-Líquido cria proteção contra novo coronavírus para ônibus Caio e Busscar

Wemobi chega com experiência no transporte de passageiros

A startup surge com uma grande experiência no setor de transporte de passageiros. A Wemobi pertence ao Grupo JCA, dono de empresas como as viações Cometa, 1001 e Catarinense. A Expresso do Sul e a unidade logística Buslog fazem parte do conglomerado.

A Wemobi faz parte da e-bus, unidade de negócio digital e de inovação da JCA. Para entrar em operação, a nova companhia recebeu aporte financeiro da 2A. O investimento inicial foi de cerca R$ 8,6 milhões.

“A empresa chega para construir uma nova experiência de mobilidade conectada. A Wemobi opera em linhas regulares e tem como valor inegociável a segurança”, diz o diretor executivo da e-bus e responsável pela Wemobi, Rodrigo Trevizan.

Ele explica que os ônibus da Wemobi são operados pela Viação Catarinense. “Todos são novos e a frota será dedicada, com logomarca e pintura especial”. De acordo com Trevizan, os veículos têm dois andares, ar-condicionado e banheiro.

Além disso, a frota dispõe de wi-fi grátis. E os usuários poderão recarregar seus aparelhos eletrônicos a bardo. Nos assentos há entradas USB individuais.

A frota é padronizada. Os ônibus de dois andares têm poltronas reclináveis

Outro diferencial são as opções diferenciadas de pontos de embarque. Esses locais estão distribuídos em diferentes localidades de alta demanda na cidade de partida e de destino, de acordo com informações da empresa. A Wemobi pretende expandir as operações para Minas Gerais, Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul em breve.

Cuidados sanitários

Os ônibus da Wemobi serão submetidos aos protocolos de sanitização em todos os trechos da viagem. Isso inclui limpeza e a higienização focados em eliminar vírus e bactérias. Haverá ainda vaporização interna para desinfecção do ambiente.

Será oferecido álcool em gel na entrada dos veículos, para uso dos passageiros antes do embarque. O uso de máscara de proteção durante toda a viagem é obrigatório.

Notícias relacionadas