VWCO produzirá caminhões elétricos no País

Fabricante anuncia criação de consórcio para integrar parceiros na produção de veículos e fornecimento de infraestrutura

VW e-Delivery Crédito: Foto: VWCO

A exemplo do modelo de produção que caracteriza a fábrica da Volkswagen Caminhões e Ônibus em Resende (RJ), no qual fornecedores coparticipam da montagem dos veículos, a empresa anuncia processo semelhante para viabilizar a produção de caminhões e ônibus elétricos no País.

A criação do e-Consórcio, como foi chamado, foi oficializada por Roberto Cortes, CEO da VWCO, na Suécia, em evento de tecnologia promovido pelo Grupo Traton, corporação que reúne VWCO, Scania, MAN e RIO (plataforma de telemetria da empresa).

“Desde a criação da VWCO em 1981, temos revolucionado o mercado de caminhões e ônibus e, com este objetivo, estamos investindo R$ 1,5 bilhão até 2021”, diz em nota Cortes. “Desta vez, nosso time construiu de forma pioneira configurações de tecnologia e de modelo de negócios que vão facilitar a introdução de veículos elétricos no cenário de transporte mundial.”

Segundo a companhia, o e-Consórcio prevê da produção do veículo à oferta de infraestrutura, como também o gerenciamento do ciclo completo da bateria. Encontra-se em fase final, negociação com oito parceiros, dentre eles a Siemens, para providenciar infraestrutura, carregadores e energia, a chinesa CATL e a brasileira Moura para fornecimento, gerenciamento e manutenção de baterias, além de Bosch, WEG e Semcon para desenvolvimento e fornecimento de componentes.

Em parceria com a Ambev, a VWCO caminhões desenvolve um modelo e-Delivery de 11 toneladas atualmente em operação real em São Paulo com a empresa de bebidas. O veículo é parte de um projeto que envolve 1,6 mil caminhões elétricos a serem entregues até 2023 para a cervejaria. Durante o evento na Suécia, mais um protótipo elétrico foi apresentado. Desta vez baseado na versão Delivery para 4 toneladas.


Notícias relacionadas