Você está lendo...
Venda de caminhões avança 3,9% no 1º trimestre de 2022; veja o ranking
Mercado

Venda de caminhões avança 3,9% no 1º trimestre de 2022; veja o ranking

De janeiro a março deste ano, a venda de caminhões novos soma 26.760 unidades, ante as 25.763 registradas em igual período em 2021

Andrea Ramos

06 de abr, 2022 · 5 minutos de leitura.

Venda de caminhões avança 3,9%
Venda de caminhões avança 3,9%
Crédito:VWCO/Divulgação
Venda de caminhões avança 3,9%

Mesmo que timidamente, a venda de caminhões novos cresceu no País. E apresenta um incremento de 3,9% no 1º trimestre de 2022. Assim, de janeiro a março foram emplacados 26.760 caminhões. Para comparação, no mesmo período de 2021, 25.763 caminhões foram entregues. Os dados referentes ao fechamento de março são da Fenabrave, associação que reúne as concessionárias.

Do mesmo modo, a venda de caminhões avançou 24,91% em março em relação a fevereiro. Assim, foram emplacadas 10.133 unidades. Um mês antes, a indústria entregou 8.112 caminhões novos no País. Contudo, em relação a março de 2021, quando foram emplacados 10.792 caminhões, o setor de caminhões registrou queda de 6,1%.

Venda de caminhões por segmento

No 1º trimestre de 2022, a Volkswagen/MAN lidera a venda de caminhões novos. A marca alemã obteve 29,94% do mercado. Em seguida, a Mercedes-Benz participa com 27,66% de participação no período. Logo depois vem a Volvo, na 3ª posição, com 19,49% de market share. Já a Iveco aparece na 4ª colocação com 9,81% do mercado. A Scania caiu para a 5ª colocação, com 6,85%. E, por fim, a DAF aparece com 5,02% e chinesa JAC Motors surge como a sexta colocada com 0,84%.


Assim como ocorre tradicionalmente, os pesados lideram a venda de caminhões por segmento. No acumulado de janeiro a março, eles responderam por 50,18%. Logo depois aparecem os semipesados (26,39%), seguidos pelos leves (9,49%) e pelos médios (8,69%). Por fim, os semileves representaram 5,25% das vendas.

Todavia, o Volvo FH 540, como de costume, é o caminhão mais vendido, com 1.992 unidades emplacadas no acumulado de janeiro a março de 2022. Em seguida está o médio Volkswagen Delivery 11.180 somou 1.447 emplacamentos no mesmo período. O terceiro lugar fica para o DAF XF, que teve 1.276 unidades vendidas no período.

Venda de implementos rodoviários apresenta queda

No acumulado de janeiro a março deste ano, as vendas de implementos rodoviários somaram 19.525 unidades. Ou seja, retração de 8,38% na comparação com o mesmo período de 2021. Nos três primeiros meses do ano passado foram emplacadas 21.310 unidades.


Contudo, na comparação de março com fevereiro também há registro de alta. Assim, no mês passado, o setor emplacou 6.796 implementos rodoviários. Um aumento de 13,21% quando comparado ao mês de fevereiro, que registrou 6.003 unidades vendidas.

Venda de caminhões avança 3,9%
Scania/Divulgação

O mercado para ônibus é de alta

Todavia, as vendas de ônibus novos parecem estar em recuperação. Em março a indústria emplacou 1.779 unidades. Ou seja, aumento de 51% ante as 1.176 vendas de fevereiro. Do mesmo modo, no acumulado do ano, o setor apresenta alta, ainda que tímida. Assim, de janeiro a março, os emplacamentos somaram 4.323 unidades. Ou seja, alta de 1,67 % na comparação com as 4.252 vendas feitas um ano atrás.


Veja o ranking dos caminhões mais vendidos em 2022

Marca/ModeloMAR.ACUM.
1º) Volvo FH 5406971.992
2º) VW Delivery 11.1805451.447
3º) DAF XF4571.276
4º) Volvo VM 270415971
5º) Volvo FH 460399951 
6º) Mercedes-Benz Accelo 1016315909
7º) VW Constellation 24.280293737
8º) VW Delivery 9.170289726
9º) Scania R 450195659
10º) Mercedes-Benz Actros 2651324655
*Números da Fenabrave