Andrea Ramos

06.07.2020 | 17:29

Produção de caminhões cresce 39% em junho

Mesmo com a recuperação na produção de caminhões no mês passado, Anfavea mantém previsão de queda de 36% nos volumes do setor ao longo de 2020

Produção de caminhões sobe 39% em junho ante maio
Crédito: Volvo/Divulgação

A produção de caminhões no Brasil cresceu 39% em junho em relação a maio. No mês passado foram fabricados 5,6 mil caminhões no País, ante 4,1 mil no mês anterior. Na comparação com junho de 2019, contudo, quando foram fabricadas 9.993 unidades, houve queda 43,6%. As informações foram divulgadas neste segunda-feira (6) pela Anfavea, a associação que reúne as fabricantes de veículos. Confira os quadros no pé desta reportagem.

LEIA TAMBÉM: Venda de caminhões cresce 85% em junho

Para o vice-presidente para veículos pesados da Anfavea, Gustavo Bonini, apesar de o resultado de junho ser positivo, ainda não é possível falar de recuperação. Sobretudo ao comparar o acumulado deste ano com igual período de 2019.

De janeiro a junho de 2020, foram produzidos 34,8 mil caminhões no Brasil. No primeiro semestre de 2019, das linhas de montagem saíram 55,4 mil caminhões. Na comparação deste ano com o ano passado, houve retração de 37,2%.

“Esse cenário mostra o quanto a pandemia da covid-19 está impactando os negócios de caminhões”, diz Bonini. De acordo com o executivo, a expectativa é que os números de 2020 fechem no vermelho. “Mantemos as projeções de queda de 36% do mercado de caminhões neste ano”, afirma.

Produção de ônibus

A produção de ônibus também registrou queda no primeiro semestre de 2020. De janeiro a junho, foram fabricados 8,9 mil chassis no Brasil, ante os 14 mil produzidos no mesmo período de 2019. Isso representa retração de 36,5%.

Na comparação entre junho e maio deste ano, o resultado é positivo. No mês passado foram fabricados 1.342  chassis no Brasil. No mês anterior a produção ficou em 1.219 unidades. Em relação a junho de 2019, contudo, quando a indústria produziu 2.375 unidades, houve queda de 43,5%.

Exportações de caminhões e ônibus

Em relação às exportações de caminhões, os números oscilam bastante. No mês passado, o Brasil exportou 1.230 unidades, ante 636 em maio. A alta foi de 93,4%. Na comparação com junho de 2019 (1.045), o resultado também foi positivo (em 17,7%).

No acumulado do ano, contudo, as exportações recuaram 19,2%. De janeiro a junho de 2020, as fabricantes instaladas no Brasil exportaram 5.991 caminhões. Já no primeiro semestre deste ano foram exportadas 4.842 unidades.

As exportações de ônibus montados no País recuaram 54,5% no primeiro semestre ante igual período de 2019. No acumulado dos seis primeiros meses de 2020 foram enviadas 1.716 chassis ao exterior. E, de janeiro a junho do ano passado as exportações foram de  3.797 unidades.

Na comparação entre maio e junho, o saldo foi favorável. No mês passado o Brasil exportou 381 chassis, ante 266 em maio. Em relação a junho de 2019, quando o País exportou 603 unidades, a queda foi de 36,8%.

Projeções não animam

Houve queda também na produção de automóveis e comerciais leves. Na comparação com o primeiro semestre de 2019, a retração no acumulado de 2020 foi de 50,5%. A Anfavea projeta que o mercado de leves encolherá 45% neste ano.

Para o presidente da associação, Luiz Carlos Moraes, a indústria precisará de cinco anos para voltar a registrar números como os de 2019. No ano passado, as fabricantes instaladas no País produziram 2.944.988 veículos. Desse total, foram 2.803.841 leves, 113.476 caminhões e 27.671 ônibus.

“Estamos levando em consideração a recuperação do setor pós-crise de 2015. Se formos no mesmo ritmo, ou seja, algo em torno de 11% ao ano, em 2025 voltaremos aos patamares de 2019”, diz Moraes. De acordo com ele, isso quer dizer que no período de cinco anos, 3,5 milhões de veículos deixarão de ser vendidos.

Produção em 2020

Jan Fev Mar Abr Mai Jun Total Ano
Total 191.731 204.203 189.958 1.847 43.080 98.708 729.527
Veículos leves 183.136 192.516 179.560 1.048 37.807 91.732 685.799
162.376 173.414 156.498 946 29.603 71.231 594.068
20.760 19.102 23.062 102 8.204 20.501 91.731
Caminhões 7.169 9.131 8.406 403 4.054 5.634 34.797
40 47 156 18 27 40 328
1.417 1.409 1.254 33 456 803 5.372
210 351 377 13 142 199 1.292
1.989 2.325 2.136 109 1.058 1.629 9.246
3.513 4.999 4.483 230 2.371 2.963 18.559
Ônibus 1.426 2.556 1.992 396 1.219 1.342 8.931
360 548 309 43 344 376 1.980
1.066 2.008 1.683 353 875 966 6.951

 

Exportações em 2020

Unidades Jan Fev Mar Abr Mai Jun Total
Total 20.549 37.677 30.772 7.212 3.870 19.405 119.485
Veículos leves 19.390 36.344 29.496 6.925 2.968 17.794 112.917
Automóveis 17.445 32.117 24.852 5.831 2.016 13.223 95.484
Comerciais leves 1.945 4.227 4.644 1.094 952 4.571 17.433
Caminhões 893 897 969 217 636 1.230 4.842
Semi-leves 0 7 10 0 8 10 35
Leves 173 147 82 82 88 193 765
Médios 133 31 23 0 10 25 222
Semi-pesados 205 251 289 67 86 228 1.126
Pesados 382 461 565 68 444 774 2.694
Ônibus 266 436 307 70 266 381 1.726
Rodoviário 149 217 97 20 49 311 843
Urbano 117 219 210 50 217 70 883

 

Notícias relacionadas