Notícias

Ducato foi o comercial leve mais vendido na Europa em 2020

A linha Ducato, que é oferecida pela Fiat também no Brasil, teve 150 mil unidades vendidas na Europa em 2020 e, neste mês, completa 40 anos de existência

Redação

19 de fev, 2021 · 4 minutos de leitura.

Ducato" >
Crédito:Multinews

O Fiat Ducato foi o comercial leve mais vendido na Europa em 2020. Ou seja, foram 150 mil unidades, com alta de 7,6% sobre o resultado de 2019. Com isso, o modelo conquistou 20% de participação de mercado, ou três pontos porcentuais a mais que no ano anterior. Segundo dados da Dataforce.

Além disso, em 2021 o Fiat Ducato completa 40 anos. E, desde o lançamento, vem se firmando como um dos veículos comerciais mais desejados pelos europeus. Segundo a Fiat, isso graças à versatilidade e ao baixo custo de operação.

Você também vai gostar de


Nesse sentido, o modelo tem boa aceitação também na Rússia, América Latina, Oriente Médio e Austrália. Ou seja, o Ducato está presente em mais de 80 países.

Ducato europeu é feito na Itália

Há quem diga que o Ducato revolucionou o segmento de furgões grandes por causa da tração dianteira. Assim também por sua versatilidade e boa capacidade de carga. O Fiat é feito desde 1981 na fábrica da Sevel, em Val di Sangro, Itália.

Segundo a Fiat, ao Ducato recebeu vários aperfeiçoamentos ao longo desses 40 anos. No mesmo sentido, se tornou referência na categoria, de acordo com a empresa.

Aliás, são mais de 10 mil variantes oferecidas no mundo. E, por causa dessas opções, o modelo faz sucesso entre as encarroçadoras de veículos especiais.

Ducato na versão elétrica

Um dos destaques é o motorhome. Assim, nos últimos 10 anos, 500 mil famílias escolheram viajar em um modelo do tipo baseado no Ducato. No Brasil, esse tipo de veículo também vem crescendo em vendas.

Ao mesmo tempo, em 2020 a Fiat lançou a versão elétrica da van. Batizada de e-Ducato, está disponível em todas as variantes de carroceria. E com o mesmo volume de carga útil do Ducato tradicional. Ou seja, entre 10 m3 e 17 m3 . Além disso, a capacidade de carga foi mantida em 1.950 kg.

A van elétrica tem duas opções, que se diferenciam pela autonomia. A de entrada pode rodar até 200 km e de topo passa dos 330 km. Segundo a Fiat, esses números são com carga completa.

Por fim, o modelo elétrico tem velocidade máxima de 100 km/h. Além disso, é ideal para o transporte de cargas em grandes centros urbanos.