Notícias

Caminhão BYD T8 coleta lixo orgânico para produzir energia elétrica

O caminhão BYD eT8 100% elétrico vai transportar resíduos orgânicos para usina de biogás em Ponta Grossa, no Paraná, que será usado para produzir eletricidade

Redação

06 de mai, 2021 · 5 minutos de leitura.

BYD para produção de energia" >
BYD para produção de energia
Crédito:BYD/Divulgação
BYD para produção de energia

O caminhão BYD eT8 elétrico será utilizado no transporte de resíduos orgânicos sólidos. Depois, esse material vai ser reaproveitado para produzir energia elétrica. Enfim, essa eletricidade vai abastecer prédios públicos da cidade de Ponta Grossa (PR).

Dessa forma, a Prefeitura e a Ponta Grossa Ambiental (PGA) inauguraram a Usina Termoelétrica Biogás (UTB) no fim de abril. A concessionária de limpeza urbana pertence ao Grupo Philus,

LEIA TAMBÉM: e-Delivery, caminhão elétrico da VWCO, estreia até junho

Caminhão BYD transporta resíduos orgânicos

O caminhão BYD elétrico fará a coleta diária dos resíduos orgânicos. Ou seja, restos de alimentos, hortifrútis, sementes e óleo de cozinha usado, entre outros. E depois irá para a usina.

Primeiramente, o material vai para um tanque. Depois de analisado, vai para os biodigestores. No interior desses dispositivos, bactérias decompõem a matéria orgânica.

Assim, o resultado é a produção de biogás. Ou seja, gás composto por grande quantidade de metano. Esse material é altamente combustível.

Caminhão elétrico deixa de emitir 82 t de CO2

Logo, o biogás será utilizado em geradores. Assim, produzirá energia elétrica. Por fim, a eletricidade seguirá para a rede de energia elétrica do Estado.

A UTB tem capacidade para processar até 30 toneladas de resíduos orgânicos por dia. A eletricidade gerada vai abastecer o Hospital Municipal (Pronto Socorro), o Hospital da Criança, uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA Santana) e a sede da Prefeitura.

?A BYD está sempre alinhada com projetos que contribuam para a preservação ambiental. Nesse sentido, o caminhão elétrico deixa de emitir 82 toneladas de CO2 por ano quando comparado a outro a combustão. Isso equivale ao plantio de 577 árvores?, diz o diretor de vendas da BYD, Henrique Antunes.

eT8 tem autonomia de mais de 200 km

O caminhão elétrico BYD eT8 vai transportar 12 toneladas de materiais orgânicos por dia. O modelo tem duas baterias com capacidade de 217 kWh cada.

Assim, a potência é de 180 kW (equivalentes a 245 cv) e o torque, de cerca de 153 mkgf. Além disso, a autonomia é de 204 km. Segundo informações da BYD.

Continua depois do anúncio

O eT8 tem capacidade de carga útil de 13,1 toneladas. Na versão com tração 4×2, o Peso Bruto Total (PBT) é de 21 t. Já na configuração trucada, com tração 6×2, o PBT é de 30 t.

Caminhão elétrico também usa energia do lixo

?Os caminhões 100% elétricos com baterias de lítio da BYD têm permitido que as empresas reduzam as emissões de poluentes. E diminuam os custos de suas operações ?, diz Antunes.

Segundo o diretor de Negócios do Grupo Philus, Vítor Borsato, o sistema é integrado. Dessa forma, a implantação da UTB e a compra do caminhão BYD elétrico formam um conjunto de ações focadas no mesmo objetivo.

Nesse sentido, o caminhão também vai usar a eletricidade gerada na UTB. Ou seja, produzida a partir dos resíduos coletados pelo eT8.

?Inicialmente, a coleta contará com 75 grandes geradores. Mas futuramente, também deve ser realizada no formato porta a porta”, diz Borsato.