Picapes são destaques do Salão de Detroit 2018

Os modelos sempre estiveram presentes no evento, mas nunca com tantas novidades para o segmento

Ford prepara retorno da Ranger nos EUA Crédito: Ford

As montadoras dos Estados Unidos nunca deixaram de trazer novidades na categoria de picapes no principal salão do automóvel daquele país. Em 2018, no entanto, General Motors, Ford e FCA (Fiat Chrysler Automobile) fizeram questão de impressionar com modelo completamente novos, afinal, o consumidor de lá adora uma picape.

A Ford aposta no retorno da Ranger, depois de descontinuada nos Estados Unidos em 2011, com um modelo renovado. Apesar do perfil parecido com o que conhecemos por aqui, a picape incorpora muita tecnologia e potência.

O trem de força vem do Mustang, um motor 2.3 EcoBost acoplado a um câmbio automático de 10 marchas (a marca não divulgou números, mas no esportivo o motor gera 310 cv e 48,3 kgmf de torque). Depois, o condutor conta com frenagem automática de emergência, alerta de ponto cego com cobertura para o reboque, detector de pedestre, piloto automático adaptativo de velocidade e assistente de faixa de rolamento.

A nova Ranger, prevista chegar ao mercado somente no começo do ano que vem, poderá ser encontrado com cabine dupla ou simples e ainda tração 4×2 ou 4×4, esta última, em versão chamada FX4 Off-Road, adiciona protetores de carroceria, suspensão reforçada e sistema de gerenciamento de terreno, do cascalho à neve.

A General Motor, em celebração ao seu centenário de produção de picapes, lançou em Detroit uma nova Chevrolet Silverado, rejuvenescida e mais eficiente. De acordo com a fabricante, o uso de materiais mais leves, como o alumínio em boa parte da carroceria, tornou o modelo perdeu 204 kg na comparação com a oferta anterior.

A picape estará disponível a partir de oito níveis de acabamento e três conjuntos mecânicos. Na linha há dois V8 com 5,3 litros ou 6,32 litros e uma opção a diesel de 6 cilindros em linha de 3 litros. A fabricante não revelou especificações técnicas, mas de acordo com a imprensa local as versões com os motores V8 de 6,2 litros e diesel terão uma nova transmissão de 10 marchas, ironicamente desenvolvida em parceria com a Ford.

Para fazer frente às novidades, a FCA levou para Detoit a RAM 1500 completamente reformulada, tanto por dentro quanto por fora. Além pouco mais de 100 kg mais leves que a antecessora, o modelo ganhou bolsas de ar na suspensão, novo chassi, discos de freios dianteiros maiores e pacote tecnológico com assistentes de direção, como alerta de faixa e piloto automático adaptativo.

No conjunto mecânico mais inovações. A nova picape tem versão com sistema híbrido no qual traz uma bateria extra para auxiliar na função start/stop como também na regeneração de energia para o freio.

O consumidor poderá optar pelo modelo equipado com motor Pentastar V6 de 3,6 litros com 305 cv ou Hemi V8 de 5,7 litros que desenvolve 395 cv.


Notícias relacionadas